domingo, 5 de julho de 2015

O que acontece com o corpo ao parar de fumar

BATANGA


Enviado porLucas Corral
Durante o primeiro ano sem fumar, o corpo humano pode apresentar algumas dificuldades na adaptação e outras melhorias no dia-a-dia. Confira o que acontece neste primeiro ano em períodos gradativos.

20 minutos: A pressão sanguínea e a temperatura dos pés e mãos voltam ao padrão de normalidade.

8 horas: Restam apenas 6,25% de nicotina no corpo, comparado a quem fuma regularmente.

12 horas: O nível de oxigenação do sangue volta ao normal.

1 dia: O nível de ansiedade atinge o limite e só volta ao normal em duas semanas.

2 dias: As terminações nervosas que foram lesadas começam a se regenerar e os seus sentidos como olfato e tato se normalizam. O estresse chega ao limite, resultado da falta de nicotina.

3 semanas a 3 meses: a circulação sanguínea melhora e a tosse, típica de fumantes, desaparece.

8 semanas: A resistência à insulina se normaliza.

Até 9 meses: A falta de respiração e a fadiga decaem fortemente. Os pulmões voltam a trabalhar com mais força mantendo-se limpos e evitando infecções.

1 ano: A possibilidade de sofrer um ataque cardíaco ou um AVC diminuem pela metade, comparando com as chances de um fumante.


MONKEY BUSINESS IMAGES/THINKSTOCK
Efeitos a longo prazo

5 anos: Os riscos de sofrer uma hemorragia subaracnóide caem cerca de 59%. Nas mulheres, a chance de ter diabetes é a mesma de quem nunca fumou.

5 a 15 anos: As possibilidades de sofrer um AVC passar a ser as mesmas de quem não fuma.

10 anos: Os riscos de desenvolver um câncer no pulmão são entre 30% e 50% menores que nos fumantes. Também diminuem as chances de desenvolver câncer na boca, esôfago, garganta e pâncreas. A chance de ocorrer diabetes em homens ou mulheres já são os mesmo de um não fumante.
KATARZYNABIALASIEWICZ/THINKSTOCK
13 anos: Para os maiores de 75 anos, a chance de perder os dentes são iguais aos que não fumam.

15 anos: As possibilidades de ter algum problema cardíaco ou câncer no pâncreas são as mesmas de um não fumante.

20 anos: Nas mulheres, os risco de morrer por doenças associadas ao tabagismo são as mesmas de quem nunca fumou.

BICHO DO PARANÁ JÁ É VOVÔ



Bento, João Lopes e Carmen Carolina - 


Você percebe que o tempo passa, quando encontra um casal de quem você foi testemunha ocular dos primeiros beijos, segurando no colo o quarto neto

OS FILHOS DO SAUDOSO JOÃO CHIARATTI